1. Arquivos
  2. Religião

Focolares: Comentário de José Luís Bomfim sobre artigo de Leonardo Bruno

14 de maio de 2009 - 22:42:14

Meus pais resolveram aderir a Economia de Comunhão (EdC) formando uma empresa, isto é, livremente resolveram aplicar tempo e capital num empreendimento que serve aos fins da EdC. Isso pode até ser uma espécie de socialismo utópico, mas comunismo não é, uma vez que aderiram livremente ao projeto, dando os lucros segundo o julgamento pessoal de cada um deles. Devo lembrar que liberdade é, inclusive, liberdade para doar o que se possui. Se tal comportamento econômico é realmente próspero, bem, tenho lá minhas dúvidas, mas isso não invalida a experiência como um todo, não enquanto não se fizer uma análise mais detalhada da EdC, pois há entre as empresas da EdC aquelas que vão muito bem e aquelas que vão muito mal, como sói acontecer no capitalismo. Devo lembrar que Chiara nunca disse que deveria haver uma ruptura com o modelo capitalista de produção.

Há que se destacar, além disso, a distância que há entre o discurso de alguns membros do Movimento dos Focolares e a orientação legal do Movimento, presente nos estatutos que foram, aliás, aprovados pela igreja. Que há comunistas enrustidos no Movimento dos Focolares, sim, os há, mas dizer que o Movimento é comunista é balela. Para ilustrar permito-me dizer que o Movimento foi uma das principais ferramentas da igreja na extinta cortina de ferro. O cardeal Miloslav Vlk, por exemplo, só pode continuar exercendo seu ministério em Praga pois se abrigou em uma casa focolarina, dado que os focolarinos eram leigos e não despertavam tantas suspeitas por parte da KGB.

A EdC não é comunista, pode não ser viável, mas isso só o tempo provará. Não é dito que aos capitalistas seja proibido disporem livremente de seus lucros. Um empresário pode guardar seu dinheiro na poupança ou pode ajudar algumas pessoas mais necessitadas, mas esta decisão é sempre mais complexa do que parece, e creio que somente a consciência individual do empresário pode decidir o que fazer. O que permanece como constante na EdC e no capitalismo é busca do lucro, o que só pode vir pela busca de excelência em produtos e serviços, bem como pela sorte.

Há uma confusão de fundo presente no discurso de alguns membros do Movimento. Eles não conseguem ver que o capitalismo é próspero em si, mas isso porque eles acabam vendo o capitalismo apenas em sua dimensão técnica, não vendo a base cultural que deu sustento e promoveu o crescimento capitalista. Mas devo lembrar que isso acontece hoje em dia na igreja católica como um todo.

Nem todos os mercados são legítimos, e a China prova isso. Mutatis mutandis, as várias intervenções que o Olavo de Carvalho tem feito contra o grau-zero do liberalismo, ou seja, contra os liberais apenas e tão somente ligados a liberdade sem freios, mostra que é estupidez intelectual crer na supremacia do elemento econômico como gerador de todas as liberdades.

A EdC se propõe ser um meio de partilha de recursos, sejam eles materiais ou imateriais. À diferença do comunismo, a EdC não é uma teoria, e muito da sua prática foi se formando ao longo dos anos. Ressalto também que as empresas da EdC pagam seus impostos e vivem na mais perfeita legalidade. Lembro aliás que um corte generoso em todo atual sistema de tributação (como nós liberais conservadores desejamos) muito ajudaria as empresas da EdC.

Por fim, quanto a ONU e ao ecumenismo, responderei mais tarde. Agora tenho um compromisso. Deixo, enquanto isso, para introduzir o próximo debate, um trecho da carta que o atual papa enviou quando nas exéquias de Chiara Lubich:

“(…) Gostaria, sobretudo, de agradecer a Deus o serviço que Chiara prestou à Igreja: um serviço silencioso e incisivo; sempre em sintonia com o magistério da Igreja”

completo em http://www.vatican.va/holy_father/benedict_xvi/letters/2008/documents/hf_ben-xvi_let_20080318_chiara-lubich_po.html

Obrigado e bom trabalho, Zé Luis.

{slide=Artigos Relacionados}{loadposition insidecontent}{/slide}

{slide=Artigos do Mesmo Autor}{loadposition insidecontent2}{/slide}